quarta-feira, 16 de abril de 2014

A Secretaria de Saúde de Caucaia informa o público alvo da Vacina contra a Gripe

Além das crianças de seis meses a menores de cinco anos, serão vacinados nesta campanha idosos com 60 anos ou mais, as gestantes, as puérperas – até 45 dias após o parto, os trabalhadores de saúde, os grupos portadores de doenças graves crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, os povos indígenas, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional. 
A vacinação é a principal prevenção contra a influenza. A campanha, feita todos os anos desde 1999, contribui para a prevenção da gripe nos grupos vacinados, além de apresentar impacto na redução das internações hospitalares, gastos com medicamentos para tratamento de infecções secundárias e mortes evitáveis. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a estimativa é de que de 5 a 15% da população sejam acometidos e que, globalmente, a influenza, doença respiratória infecciosa de origem viral, cause 3 a 5 milhões de casos graves e 500 mil mortes todos os anos. Então, o melhor é dar ouvidos ao ditado popular que diz “é melhor prevenir do que remediar”,  indo aos postos durante a campanha receber a vacina.


terça-feira, 15 de abril de 2014

Campanha de vacinação contra gripe começa dia 22

A campanha nacional de vacinação contra gripe deste ano será realizada de 22 de abril a 9 de maio, sendo 26 o dia de mobilização nacional. A novidade deste ano é a ampliação da faixa etária para crianças de seis meses a menores de cinco anos. No ano passado, o público infantil foi de seis meses a menores de dois anos. A estratégia de mobilização para todo o país, executada em parceria com estados e municípios.
MEDIDAS DE PREVENÇÃO – A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como medida de prevenção para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto e não compartilhar objetos de uso pessoal.

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Secretaria de Saúde de Caucaia intensifica a mobilização contra Dengue nas comunidades

A Secretaria Municipal de Saúde por meio do setor de Educação em Saúde e Mobilização Social tem intensificado as ações de sensibilização para os cuidados com os imóveis orientando aos alunos e professores para a tomada de medidas de prevenção contra o mosquito.  Durante as ações os alunos conhecem o ciclo evolutivo e os locais preferenciais para reprodução do aedes aegypti.

sexta-feira, 11 de abril de 2014

Secretaria de Saúde de Caucaia parabeniza aos profissionais enfermeiros obstetras



A Secretaria de Saúde de Caucaia (SMS) parabeniza todos os enfermeiros obstetras pelo seu dia, comemorado em 12 de abril, e por sua importância na prática diária intra-hospitalar. O enfermeiro obstetra é o profissional responsável pelos cuidados de enfermagem a mulher e a família, no seu ciclo reprodutivo, e ao recém-nascido, sendo legalmente habilitados para a assistência à gestação e parto normal.
Para as enfermeiras obstetras participar desse momento tão especial na vida da mulher é gratificante. “A especialização em obstetrícia permite orientar a gestante para um parto humanizado, proporcionando um nascimento mais saudável a criança além de estar presente nesse momento especial.

Plano de Ação para o controle da Tuberculose é apresentado ao Conselho de Saúde de Caucaia

Em reunião extraordinária realizada na manhã desta sexta feira - 11 de abril/ 2014 foi apresentado e discutido o Plano Estratégico para o enfrentamento da Tuberculose. Na ocasião os conselheiros de saúde solicitaram a formação de um Comitê Municipal integrado com a finalidade de promover uma campanha municipal com a participação da sociedade civil e organizada, evidenciando a importância do diagnóstico precoce e o tratamento que é gratuito nas unidades básicas de saúde.


segunda-feira, 7 de abril de 2014

Alerta sobre câncer do colo de útero no Dia Mundial do Combate ao Câncer




No Dia Mundial do Combate ao Câncer, em 8 de abril, o Instituto de Prevenção do Câncer (IPC), unidade da Secretaria da Saúde do Estado, faz um alerta para a prevenção do câncer do colo do útero. O tumor é um dos mais frequentes na população feminina. No IPC, são realizadas em média dois mil atendimentos por mês, que vão de consultas ginecológicas a pequenas cirurgias, a mulheres em tratamento ou suspeita da doença. Dentre todos os tipos de câncer, o do colo de útero, é o que apresenta um dos mais altos índices de cura, se diagnosticado precocemente. “Prevenir é forma mais eficaz de combater a doença”, afirma a diretora médica do IPC, Ana Catarina Machado.

Campanha de vacinação contra gripe inicia dia 22 de abril e vai até 9 de maio

Será realizada de 22 de abril a 9 de maio a 16ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. A mobilização em todo o país ocorrerá no dia 26 de abril. No Brasil, o público alvo representa, somando todos os grupos que serão vacinados, 49,6 milhões de pessoas, número superior aos 39,2 milhões da campanha no ano passado.
Além das crianças de seis meses a menores de cinco anos, serão vacinados nesta campanha idosos com 60 anos ou mais, as gestantes, as puérperas – até 45 dias após o parto, os trabalhadores de saúde, os grupos portadores de doenças graves crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, os povos indígenas, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional.
  Lavar as mãos: A transmissão do vírus influenza, que causa febre, dor de cabeça, dores musculares, tosse,dor de garganta e fadiga, ocorre através do contato com secreções das vias respiratórias eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar  ou por meio das mãos ou objetos contaminados quando entram em contato com os olhos, boca, nariz. Daí, a importância de lavar bem as mãos. É um ato simples que promove saúde e evita doenças.